Notícia
Geral - 09/01/2019 16:31:44

Você descarta o lixo da forma correta?

A Prefeitura oferece serviços de coleta do lixo com regularidade, mas em alguns lugares o lixo não tem sido descartado de forma adequada
Ao acionar a Coleta Programada, o sofá encontrado no Bairro Tapera poderia ter sido removido gratuitamente - Arquivo pessoal
Ao acionar a Coleta Programada, o sofá encontrado no Bairro Tapera poderia ter sido removido gratuitamente - Arquivo pessoal

 

O ano começou há poucos dias e, em ritmo de festa, esquecemos tarefas básicas do dia a dia como colocar o lixo no horário e local adequado. Assim, alguns moradores do Município têm deixado resíduos em terrenos baldios e fora de hora. Temos que lembrar que a coleta do lixo é um benefício de todos, essencial para saúde e bem-estar de toda a população e meio ambiente. Os horários e endereços de recolhimento permanecem os mesmos que os moradores já conhecem.

 

Este foi o cenário em um dos pontos da Vila da Mata às vésperas do Natal – Arquivo pessoal
Este foi o cenário em um dos pontos da Vila da Mata às vésperas do Natal - Arquivo pessoal

 

A Prefeitura oferece serviços de coleta do lixo comum, seletiva e programada com regularidade para que a cidade fique limpa e organizada. Mas, há pontos em algumas comunidades onde o lixo não está sendo descartado em condições adequadas. Além disso, a coleta seletiva tem sido pouco lembrada por alguns moradores. Dados de 2018 revelam que cerca de 15 mil quilos de lixo comum são recolhidos por dia. Para a coleta seletiva atingir essa quantidade, o trabalho precisa ser maior, de um mês, uma vez que a quantidade de itens que podem ser reciclados é menor.

 

No Bairro Minete foram encontrados entulhos que poderiam ser encaminhados para remoção por meio da Coleta Programada – Arquivo pessoal
No Bairro Minete foram encontrados entulhos que poderiam ser encaminhados para remoção por meio da Coleta Programada - Arquivo pessoal

 

Quando o lixo não é deixado no lugar adequado para a coleta ou é jogado em terrenos abandonados, a comunidade vendanovense acaba ficando no prejuízo. No aspecto econômico, vários resíduos secos deixam de ser reciclados e encaminhados para a Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Venda Nova do Imigrante (Ascaveni). De outro lado, o meio ambiente não fica de fora. Com o despejo incorreto, há o aumento de doenças, insetos e presença de pequenos animais. O mau cheiro também pode incomodar moradores.

 

“Proibido jogar lixo”, informa a placa, mas alguns moradores têm jogado restos de materiais em uma manilha que é utilizada para proteger árvores – Ascom/PMVNI

 

Durante o ano, a Prefeitura gasta cerca de R$ 800 mil com coleta, mão de obra e transporte para encaminhar corretamente o lixo úmido recolhido em Venda Nova. Esse material é enviado para destinação adequada em Cachoeiro de Itapemirim. Por isso, quanto mais lixo reciclado, mais economia para o Município.

Quando o assunto é recolhimento do lixo que produzimos, não podemos esquecer de colaborar. Compartilhe com a família e com os amigos os horários de funcionamento da coleta seletiva, disponibilizado abaixo, e da coleta do lixo comum. Resíduos verdes, mobílias, sofás e demais bens que não são mais utilizados podem ser encaminhados para remoção por meio da coleta programada. Lembre-se de que entulho e restos de construção não podem ser deixados em espaços públicos sem autorização. Para saber como acionar a coleta programada, clique aqui.

 

Avanço na Coleta Seletiva com parceria dos moradores                                    

A Prefeitura tem ampliado a Coleta Seletiva para outras localidades. Em 2017, foram recicladas 209 toneladas de resíduos. Com a recente ampliação da coleta seletiva para outros bairros, como o Bairro Tapera, os números tendem a aumentar. Por isso, separe o lixo seco e o destine para o local correto. Chegando às mãos da Ascaveni, os materiais são separados e enviados para reciclagem e geram renda para algumas famílias vendanovenses.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Meio Ambiente
Fonte: Secretaria Municipal de Meio Ambiente
Fonte: Ascom/PMVNI
1 comentários
Escreva um comentário...
Osmar Xavier - Venda Nova do Imigrante
Fica a dica: "Cidadão que é cidadão se auto policia", agindo assim não só contribui com a gestão pública, mas com toda a sociedade vendanovense.